CIRCO LAS VEGAS APRESENTA NÚMEROS SEM ANIMAIS

Fonte: Tribuna de Petrópolis (Tribuna de Itaipava) - 17.06.06

lesbian incest family sex incest stories incest porn free incest stories family incest cartoon incest daughter incest, incest brother sister sex gay incest incest sex stories incest sex 3d incest incest cartoons lesbian incest free incest galleries incest mother and daughter incest family free incest pics rape sister violent porn teenage rape rape girls free bestiality stories free horse sex horsefuck beastiality forum amateur pic post amateur home videos amateur housewife video amatuer free sex movies amateur sex blo korean amatuers tennis amateur porn sites kims amatuers amatuer threesome nude amateur models amateur sex video clips japanese amateur amateur sex tape amateur girls for free amateur video shari asian fucking asian hot asian school girl amateur horny asian teen girl pics hot naked asians asian porn clips hot asian sex big asian tits movies tgp asian kung fu generation asian masturbation asian sex galleries small asian pussy sexy asian lesbian porn asian kung-fu generation mp3 free nude russian rape rape videos white pantyhose pantyhose flashing mature porn free asian sex pics nudes asian asian thong free asian anal sex galleries hot asian girl asian porn models school sex japan old asian porn horny hot asians nude naturalist russian asian tee famous monsters monster list largest cock monster dildo toys small dicks large cocks uncut hard dicks monster in law monster truck pictures thick young cock bestiality sex beastiality cum gay incest family sex

Com muita interação com as crianças circo apresenta um novo espetáculo nesta temporada. 

A diversão é garantida neste final de semana para o público de todas as idades, em especial para as crianças, que terão a oportunidade de conferir de perto os números do Las Vegas Circo Show. O circo que está montado no Parque Municipal, em Itaipava, desde o dia 15, permanecerá no local até o dia dois de julho. As apresentações nas próximas semanas serão sempre a partir das quintas-feiras, às 20h30. Aos sábados e domingos haverá duas edições cada dia, às 18h e às 20h30.

Pela terceira vez na cidade, o circo inovou em seus números, que desta vez não têm a participação de animais. O respeito à Lei Estadual n. 3.714/2001 do Ministério Público, que proíbe o uso de animais nos números, resultou em elogios por parte do público e ongs de proteção a animais atuantes na cidade. E para continuar atraindo a atenção do público infantil, um dos diretores do circo, Irineu Nunes, ressalta que foram criados novos atrativos para esta temporada. "Preparamos novos números para as diferentes cidades pelas quais passamos", disse.

Mas apesar de toda a preparação de diferentes números, Irineu ressalta que o diferencial do trabalho do circo é a participação das crianças no espetáculo. Desta forma os artistas promovem uma interação com o público. "A criança é um excelente artista e para chamar a atenção dela criamos espetáculos rápidos, modernos, com luz e cores. Vimos que não é preciso ter animais para se ter atração", ressalta Irineu. (grifos nossos)

O novo perfil do circo foi apreciado por Ana Cristina Ribeiro, presidente da Animavida. "Fomos surpreendidos com um belo espetáculo, agora totalmente sem a apresentação de animais. O atual espetáculo é infinitamente melhor do que o anterior, com os animais", conta Ana Cristina, que foi uma das que criticou o circo em 2003, quando esteve em Itaipava apresentando números com animais: "Vimos números mais elaborados e mais emocionantes com novos talentos. Os palhaços com apresentações engraçadas e numa interação agradável com o público presente".

Com isto os números com malabaristas, trapezistas, mágicos, acrobatas, equilibristas, homem aranha completaram o espetáculo. Para montar os números e toda a estrutura o circo conta com 50 profissionais. Os artistas em sua maioria são do exterior, entre eles chilenos, argentinos, mexicanos e outros.

Considerado uma das mais antigas manifestações populares e artísticas, o circo é sinônimo de alegria e diversão para crianças e adultos. "Tem capacidade lúdica artística para crianças e os adultos resgatam sua infância", disse Sérgio Filarete, que dá vida ao palhaço Proveta.

A história do circo Las Vegas teve início há 20 anos. Os responsáveis pela sua criação foram a Família Nunes, que veio da Espanha, e John Smooff, que veio de Las Vegas trazendo a magia do circo com espetáculos de pura qualidade. Juntos deram início a este mundo do Circo Las Vegas, com as atrações espanholas exibidas nos cassinos de Las Vegas.

ELEFANTE FOGE DE CIRCO EM SC

Fonte: A Notícia (caderno Regional) - 12.05.06

 

 

VEREADOR DO PV DE ARARAQUARA/SP PRETENDE LIBERAR ANIMAIS EM CIRCO

Fonte: Tribuna Impressa (Araraquara/SP) - 22.03. 06

 

Clique aqui e leia a matéria completa

 

 

 

 

 

ACORDO VAI TIRAR ANIMAIS DE CIRCO

Fonte: Gazeta de Ribeirão (clique aqui) - março de 06

 

ANGELA PEPE
Gazeta de Ribeirão

Gatos, cavalos e coelho vão deixar o picadeiro do circo Beto Carrero por determinação do Ministério Público. Um TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) foi assinado na última sexta-feira pela direção do circo e da AVA (Associação Vida Animal).

O Termo é em cumprimento a lei estadual, de 2005, de proteção aos animais do Estado.

Ela ainda não foi regulamentada, mas já entrou em vigor. O circo, que se apresenta há duas semanas na cidade, usa 10 gatos, dois cavalos e um coelho em seus espetáculos.

As apresentações se encerram no dia 15 de abril. A partir da próxima terça-feira os gatos não serão mais exibidos.

Os cavalos saem de cena no dia 2 de abril e o coelho no dia 9.

"Sem se apresentar os bichinhos vão estar enjaulados. Mesmo assim, achamos que essa é a única alternativa de privá-los. A lei tem que ser cumprida", diz Cecília Pacagnella, da AVA.

"Assisti à apresentação e achei uma boa atração. Acho que o ser humano é capaz de fazer muitas coisas sem precisar expor os animais".

O promotor Naul Luiz Felca foi quem fez as audiências de quinta e sexta-feira.

Ministério Público

O Ministério Público cuida do caso levado a ele por instituições de Ribeirão Preto como a AVA, Vegan Staff e Revolução Preto.

O diretor da AVA, Paulo César Lins Ferraz, disse que o TAC não precisa de ação judicial para ser cumprido.

A direção do circo não foi encontrada para se pronunciar até o fechamento desta edição.

 

 

CIRCO SE MANTÉM MESMO SEM ANIMAIS

Fonte: Jornal de Jundiaí (clique aqui) - 21.03.06

 

Rose Volponi Oliveira

Os espetáculos com animais não fazem parte do show apresentado pelo Circo Di Napoli que está na cidade. O gerente do local, Humberto Paulino Pinheiro, afirma que há cinco anos a programação de espetáculos foi refeita e os animais foram excluídos. "No começo foi difícil, mas o público se acostumou."

Segundo ele, nos primeiros espetáculos depois da mudança o circo foi obrigado a afixar cartazes próximos às bilheterias esclarecendo que durante a apresentação não haveria a presença de animais. "Muitas pessoas, ao ver o comunicado, iam embora. Com o tempo foram se acostumando e o público voltou a conferir os shows", afirma Pinheiro.

Com a transformação o circo vendeu ou doou os animais como tigres, elefantes, chimpanzés, ursos, lhamas e cavalos, entre outros, e enfrentou um período difícil. Contabilizando as vantagens e desvantagens, o gerente diz que os gastos com os animais eram muitos; depois da mudança ficou mais fácil administrar o negócio. "Hoje não temos nenhum tipo de animal, nem domésticos."

Para suprir a ausência dos animais, os artistas, antigamente acostumados à rotina, começaram a desenvolver novos shows. O número de artistas também aumentou: hoje são 36, para conseguir manter as duas horas de espetáculo.

Pinheiro cresceu numa família de circo - o pai é dono do circo que gerencia. "Somos de Campo Limpo Paulista e não me vejo fora deste meio, por esse motivo vamos nos adaptando, fazemos parcerias com outros circos e vamos vivendo", afirma.

(...)

 

DECRETO PROÍBE A EXIBIÇÃO DE ANIMAIS EM CIRCO NA CIDADE DE SÃO PAULO

Fonte: Folha on line - 10.02.06

 

Decreto publicado no "Diário Oficial" do município de quinta-feira (9) regulamenta a lei nº 14.014, de 30 de junho do ano passado, que proíbe a utilização de animais de qualquer espécie em apresentações de circos, entre outros espetáculos, em São Paulo.

De acordo com o decreto, a exceção fica por conta de "instituições previamente autorizadas pelo Poder Público Municipal, Estadual ou Federal, com propósitos educativos ou de exposições, guarda, segurança e locomoção".

A fiscalização ficará sob responsabilidade da Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente. Caso comprovada a infração, a multa prevista é de R$ 1.500. Em caso de reincidência, o valor da multa dobra, e o estabelecimento pode perder a licença de funcionamento.

Se constatada a exibição de animais em circos ou outros espetáculos, a apresentação será interrompida.

O animal poderá ser apreendido se for constatada sua manutenção em condições insatisfatórias de alojamento, transporte, alimentação e saúde, "que coloquem em risco sua saúde ou segurança da população, devidamente certificadas por laudo de médico veterinário do órgão ambiental".

O projeto que resultou na lei 14.014 foi apresentado em 2003 pelo então vereador Roger Lin (PSB).

 

LEÃO É ENCONTRADO EM FRIGORÍFICO ABANDONADO EM ITABORAÍ

Fonte: Último Segundo -09.02.06

Darlan Alvarenga, repórter US no Rio (darlanalv@ig.com)

RIO - Um leão foi encontrado nesta quinta-feira por policiais da Delegacia de Proteção ao Meio-Ambiente dentro de uma jaula aberta, num frigorífico abandonado, em Itaboraí. Os policiais descobriram o leão a partir de uma denúncia anônima. O animal foi encontrado com sinais de maus-tratos dentro de uma jaula enferrujada, que só estava escorada por um tapume de madeira.

 

 

XUXA CONTRA ANIMAIS EM CIRCOS

Fonte: JB Ecológico - janeiro/2006